Dominio: escolabiblicaonline.net
Chave: 0e2b778fe7b08b4f039d68e64846fdfe918df7bb
Hora do cache: 1508443111
Vida do cache: 1508486311
Status: 1
Mensagem: Centive nao respondeu
Chave do Pedido: c8c2cbe6dbc85fc36375da1d48e4e880bd51276d
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top
Baixe Grátis Nosso Brinde desta semana!

Esta semana estamos oferecendo totalmente de graça o E-book 250 Perguntas e Respostas na Bíblia - Especial para Gincanas.

São 250 perguntas e pegadinhas ótimas para ensinar de forma divertida na EBD.

Ilustração – O Amargo Regresso

Compartilhe a Verdade que Liberta!

 

Olá amados, hoje trazemos mais uma linda ilustração, que podemos usar em nossos sermões, estudos e pregações. Amargo regresso é uma história contada como verídica; fala de um jovem soldado que finalmente estava voltando para casa, depois de ter lutado numa guerra muito sangrenta.

Ele ligou para seus pais e disse-lhes: – Mãe, Pai, eu estou voltando para casa, mas, quero lhes pedir um favor. Eu tenho um amigo que eu gostaria de trazer comigo.

– Claro, filho, nos adoraríamos conhecê-lo!

– Mas, há algo que vocês precisam saber, ele foi terrivelmente ferido na guerra; pisou em uma mina e perdeu um braço e as pernas. A explosão também desfigurou seu rosto coitado. Ele só tem um braço e uma mão e precisa da ajuda para fazer tudo. A explosão foi tão terrível que é possível de nem os pais dele o reconhecerem.  Ele não tem nenhum outro lugar para ir e, por isso, eu quero que ele venha morar conosco.

– Puxa, filho, não é fácil cuidar de uma pessoa com tantas dificuldades assim… mas, traga-o com você, nós vamos conhece-lo e ajudá-lo a encontrar um lugar para ele, fora da cidade.

– Não, mamãe e papai, eu quero que ele venha morar conosco.

– Filho, nós não podemos assumir um compromisso tão grande assim. Ele não seria feliz morando aqui conosco. Como poderíamos conviver com uma pessoa que nem conhecemos, com tantos problemas e dificuldades. Nós perderíamos nossa liberdade. Teríamos despesas extras. Não, não podemos ficar com uma pessoa assim aqui em nossa casa. Vamos achar um lugar em que cuidem bem dele.

Triste o rapaz respondeu.

– Está certo, papai, o senhor tem razão!

Alguns dias depois, no entanto, eles receberam um outro telefonema, da polícia. O filho deles havia cometido suicídio, num hotelzinho de beira de estrada numa cidade vizinha, bem perto deles.

Quando ele foram fazer o reconhecimento do corpo descobriram que o “amigo” do qual o rapaz falara era ele mesmo, o filho deles, que havia sido gravemente ferido na guerra e escondera o fato de seus pais, com medo de não ser aceito por eles.




Esta gostando do artigo?

Escreva-se na minha lista de amigos e ganhe um E-book. Agora!




Pensando a respeito.

Quando deixamos que os preconceitos tomem conta de nossas decisões, somo automaticamente levado a decidir errado. Não sabemos o que as pessoas estão passando em seu interior, nem o que estão sofrendo. Por este motivo, não podemos julgar a primeira vista, nem baseado em nosso pré conceitos. Temos de buscar em Deus, pois Ele sim sabe e conhece exatamente a situação de cada pessoa e somente Ele pode julgar com discernimento. Os pais deste rapaz da história julgo bases em seus conceitos pré existente, não buscaram de Deus uma orientação para a proposta que seu filho lhe propusera e o julgamento errado levou aquele filho a decepção e a morte. Que possamos, antes de decidirmos algum baseado em nossos pré-conceitos, buscarmos em Deus a orientação para nossas decisões.

mandamento-ilustracao-ebdonline-escolabiblicaonline

Sobre o autor | Website

Professor da EBD - Ministro na Igreja Evangélica Ministério Vida de Minas Gerais. Teólogo, Mestre em Teologia Sistemática Aplicada, Blogueiro Cristão a vários anos, já escreveu mais 1000 artigos para diversos blogs e sites. Artista Plástico, Designer e Escritor. Criador do Curso digital: TSA- Teologia Sistemática Aplicada.

Gostou do artigo?

Escreva-se na minha lista de amigos e ganhe um E-book. Agora!

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: