Dominio: escolabiblicaonline.net
Chave: 0e2b778fe7b08b4f039d68e64846fdfe918df7bb
Hora do cache: 1501043421
Vida do cache: 1501086621
Status: 1
Mensagem: Centive nao respondeu
Chave do Pedido: c8c2cbe6dbc85fc36375da1d48e4e880bd51276d
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top
Baixe Grátis Nosso Brinde desta semana!

Esta semana estamos oferecendo totalmente de graça o E-book 250 Perguntas e Respostas na Bíblia - Especial para Gincanas.

São 250 perguntas e pegadinhas ótimas para ensinar de forma divertida na EBD.

5 Passos Fáceis de Como Estudar a Bíblia

Compartilhe a Verdade que Liberta!

Bíblia-com-caderno-e-lápis

5 PASSOS FÁCEIS DE COMO ESTUDAR A BÍBLIA

É um fato imutável que somente através do estudo da Bíblia, da Palavra de Deus chegamos a conhecer a verdade que nos liberta (João 8:32). Somente somos livres se conhecermos a verdade.

Este é um fato incontestável por 100% dos cristãos.

Entretanto, muitas pessoas que acreditam que o estudo da Bíblia é importante nunca aprenderam como estudar efetivamente e entender a mensagem da revelação de Deus. Vemos muitos lideres que defende irrevogavelmente o aprendizado da Palavra mas estes mesmos lideres não aprenderam a estudar e consecutivamente, não aprenderam a ensinar. Isso faz deles homens cheios de vontade de caminhar, mas sem uma direção certa, ficam muita das vezes rodando, rodando e voltando sempre ao mesmo lugar.

Neste artigo estaremos mostrando alguns pontos simples que nos ajudaram muito a estudar e aprender da Palavra de Deus.

 

Atitudes e Preparações Necessárias.

 

  • Humildade e Respeito.

Antes que possamos estudar efetivamente a Bíblia, precisamos considerar sua fonte e abordar o estudo com profundo respeito pelo Deus que nos criou e nos revelou sua vontade nas Escrituras. É importantíssimo começar a estudar com absoluto respeito pela palavra de Deus. Pois sabendo ou não, estamos prestes a começar a estudar o livro mais importante de todos os tempos da humanidade. Nenhum livro, em todos os tempos foi ou conseguira ser tão importante como a Bíblia Sagrada.

Samuel aceitou a instrução de Eli e recebeu as palavras de Deus com uma atitude de humildade: “Fala, Senhor, porque o teu servo ouve” (1 Samuel 3:9-10). Cada vez que abrirmos as páginas das Escrituras, deveremos demonstrar exatamente esta atitude de humildade.

 

  • Coração Aberto.

O estudante humilde que deseja realmente conhecer a verdade que liberta, tem que ter também um coração aberto.

Pedro nos diz que precisamos esvaziarmo-nos do mal para que possamos aceitar o puro evangelho com o ardente desejo dos recém-nascidos querendo leite (1 Pedro 2:1-3).

Deus jamais vai se abrir para nós se nós não nos abrirmos para Ele, precisamos nos esvaziarmos de nós mesmo, para que Deus possa começar a nos encher com seu conhecimento. Se tentarmos conhecer a verdade de Deus, com nossos corações e mentes cheios do nosso conhecimento humano, jamais conseguiremos adquirir o conhecimento que vem do alto. E isso não é uma coisa de Deus, isso faz parte da natureza humana. Um bom exemplo disso é tentar aprender a falar o inglês. Se você tentar aprender a falar o inglês, somente falando o português, jamais vai aprender. Para se falar inglês, temos de nos esvaziarmos do português, e deixarmos que o inglês nos preencha. Assim também é no aprendizado da palavra de Deus. Temos de nos esvaziarmos de nossas ideias, vontades e conceitos para que possamos aprender o que Deus quer nos ensinar.

Com humildade e corações abertos, procuramos cumprir o compromisso de cada servo fiel de Cristo: obedecer tudo o que Jesus nos ordenou (Mateus 28:19-20).

 

  • Valorização do Texto

O estudo proveitoso também depende de uma valorização correta do texto que estamos estudando. A Bíblia contém a completa, suficiente e final revelação da vontade de Deus para o homem, por isso deverá ser estudada cuidadosa e respeitosamente. O estudante fiel da palavra deverá estar familiarizado com as afirmações de textos tais como 2 Timóteo 3:16-17; 2 Pedro

1:3; Judas 3; Hebreus 1:1-4; 2:1-3 e Gálatas 1:6-9.

Temos de compreender que toda escritura foi elaborada e editada pelo Criador do Universo. Ele e somente ele inspirou a todos os autores da bíblia a escreverem estes textos. Nenhum deles escreveu um único paragrafo da bíblia sabendo que um dia seus escritos fariam parte do mais importante livro da humanidade. Eles escreveram por que Deus os inspirou a escrever o que estava acontecendo, como o livro de Crônicas 1 e 2 que conta a histórias de vários reis que reinaram em Israel e como Deus tratava com eles. Ou como as epistolas de Paulo que eram na verdade cartas escrita as vezes para um igreja, outras para alguns amigos e irmãos. Paulo jamais imaginaria que suas cartas um dia iriam fazer parte da divina inspiração de Deus. Ele somente escrevia, mas era Deus que estava trabalhando a nosso favor, nos deixando sua vontade, sua verdade, seu querer em forma de escrita para todos os homens. Por isso devemos valorizar estes textos, pois são a expressão viva de nosso criador.

  • Devemos respeitar o Silencio da Escritura Sagrada.

Devemos estudar também com respeito pelo silêncio das Escrituras. Muitos erros podem ser evitados se temos o cuidado de não falar presunçosamente quando Deus não falou. Agir quando Deus não disse nada é mudar sua palavra (veja a ilustração em Hebreus 7:12-14, onde o escritor mostra que Jesus não foi um sacerdote de acordo com a lei do Velho Testamento, mas que ele mudou a lei ao tornar-se um sacerdote de uma tribo que não estava autorizada a servir desta maneira). Jesus tinha o direito de mudar a lei, mas nós não. Tais passagens como

2 João 9; 1 Coríntios 4:6 e Apocalipse 22:18-19 nos lembram do perigo de ir além ou acrescentar à palavra revelada.

Muita das vezes, quando lemos certas passagens da Palavra de Deus, não conseguimos compreender o que Deus realmente está falando naquele texto, ou mesmo começamos até a achar errado ou incompreensível certas passagens. Mas ai é que entras um dos fatores muito importante na compreensão da Palavra. Deus sempre fala conosco, mesmo quando não entendemos o que Ele nos quer falar. Ou mesmo quando Ele fica em silêncio.

Existe uma frase de um grande pregador que diz o seguinte: “É no silencio que o Criador mais fala ao coração daquele que realmente quer ouvir-Lo falar.”

 

 

  • Oração

Uma outra prática importante, quando entramos no estudo das escrituras, é a oração. Devemos orar como o salmista o fez: “Desvenda os meus olhos, para que eu contemple as maravilhas da tua lei” (Salmo 119:18).

Para que realmente possamos compreender a Palavra de Deus, temos também a oportunidade de pedirmos Ele “desvende os nossos olhos” – E este pedido, temos de faze-lo em oração. Sempre que for estudar a Palavra do Senhor, faça uma oração primeiro, diga a Ele “Fala Senhor que teu servo ouve.” “desvenda os meus olhos” “Deixe-me contemplar as maravilhas da tua lei”. Quando pedimos a Ele em oração, é certo que Ele nos atenderá. Então ore primeiro, fale com ele o quanto você deseja aprender da Palavra, peça ao Espírito Santo que venha lhe ajudar, afinal Jesus o enviou para isso Ele é o nosso consolador. Ore e peça ao Senhor e Ele lhe concederá o conhecimento.

banner popup com imagem do ebook-3

 


Sobre o autor | Website

Professor da EBD - Ministro na Igreja Evangélica Ministério Vida de Minas Gerais. Teólogo, Mestre em Teologia Sistemática Aplicada, Blogueiro Cristão a vários anos, já escreveu mais 1000 artigos para diversos blogs e sites. Artista Plástico, Designer e Escritor. Criador do Curso digital: TSA- Teologia Sistemática Aplicada.

Gostou do artigo?

Escreva-se na minha lista de amigos e ganhe um E-book. Agora!

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
%d blogueiros gostam disto: